public marks

PUBLIC MARKS from tadeufilippini with tag utopia

This year

Sarau Encontro de Utopias – Centro Cultural São Paulo

O Sarau Encontro de Utopias tem o CCSP como sua sede desde 2015. É realizado pelo Coletivo Encontro de Utopias, que reúne músicos e escritores, cidadãos e artistas de diversas áreas para pocket shows, recitais e lançamentos de novos trabalhos.

Casa Teatro de Utopias - 77 fotos - 8 avaliações - Artes e espetáculos -

(via)
SobreVer tudo Highlights info row image (11) 94109-3191 Highlights info row image casateatrodeutopias.com.br Highlights info row image Artes e espetáculos

Casa Teatro de Utopias – Espaço Cultural

(via)
JONATHAN SILVA Dia 07/04, Sábado, às 21h R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia). Não aceitamos cartão. A bilheteria abre duas horas antes do horário programado para o espetáculo. Reservas também pelo WhatsApp. WhatsApp chat Facebook/casateatrodeutopias Telefone: 55 11 941093191

2008

Elaine

Nome verdadeiro: Elaine Sobre: • UFFversitária • Complicada • Virginiana • Sonhadora • =D Sexo: Feminino Website: http://utopiadeemily.blogspot.com/ Cidade: São Gonçalo Estado: Rio de Janeiro País: Brasil Profissão: Estudante

utopiadeemily.blogspot.com

Nome verdadeiro: Elaine Sobre: • UFFversitária • Complicada • Virginiana • Sonhadora • =D Sexo: Feminino Website: http://utopiadeemily.blogspot.com/ Cidade: São Gonçalo Estado: Rio de Janeiro País: Brasil Profissão: Estudante

teatro :a utopia que banquei

A princípio antagonistas, Jairo Maciel e eu acabamos nos solidarizando na campanha pelo fortalecimento do Teatro em Joinville e no Estado. Operavam, nesse tempo, dois importantes núcleos de estudo e produção de teatro: o do SESI, com os Grupos Caminhando, Oficina e Cheiro de Vida; e o do Estúdio de Artes Cênicas da Casa da Cultura, com o Cenabreve, o Não Amassa Esse Pão-de-Ló e o Matinada. Paralelamente, eu dava aulas no Centro Social Urbano do Iririú e Jairou fundou, no Celso Ramos, o Grupo Arte & Manha, e na Furj, onde ele próprio estudava, o Teatro Expressão Universitária. São desse tempo atuadores culturais como Silvestre Ferreira, Robson Benta, Eneida da Silveira, Pierre Porto, Beto Terra, Mabel Borges e Syrta da Silveira. Nessa fase foram montados numerosos espetáculos, alguns dos quais se destacaram pela qualidade da produção ou pela ousadia da concepção: Boi de Mamão, Um Lugar Ideal, No País dos Urubus, Bento que Bento Frade!, Clotilde: Brisa, Vento e Cerração, O Quebra-Cabeça e A Fonte lá do Morro Atrás de Casa (que revelaram o compositor Edson Marques dos Santos), Norigama, Grito Latino, Mas que deu, deu! e outros. Em 1987, Jairo Maciel deixou o SESI e procurou-me para dirigi-lo num monólogo com que pretendia viajar pelo Estado. Escrevi para ele Bicho Homem, que acabamos não montando.