public marks

PUBLIC MARKS from tadeufilippini

29 July 2018

Baixar Livro Vida – Paulo Leminski em PDF, ePub, mobi ou Ler Online | Le Livros

(via)
Descrição do livro Quando a Companhia das Letras lançou ‘Toda poesia’, em fevereiro de 2013, alguns dos livros ali reunidos – como ‘Caprichos e relaxos’ e ‘Distraídos venceremos’ – estavam fora de catálogo e vinham sendo procurados pelo amplo público leitor de Paulo Leminski há mais de dez anos. Fenômeno semelhante ocorre com as quatro biografias que Leminski escreveu para a Coleção Encanto Radical ao longo da década de 1980; livros como ‘Bashô – a lágrima do peixe’ são raridades, e voltam ao mercado com a reedição de um volume único. Sob o olhar poético e apaixonado de um mesmo admirador, essas quatro trajetórias aparentemente desconexas ganham novas dimensões, criam elos e se complementam, em comunicação permanente com a vida e a obra de seu biógrafo. Trótski é visto como um homem de letras, autor do ‘mais extraordinário livro sobre literatura’ já escrito por um político. Cruz e Sousa é personagem central de um movimento que Leminski chama de ‘underground’ e que muito o influenciaria; o simbolismo. Bashô, antes de se tornar pai do haikai, foi membro da classe samurai. E Jesus é um ‘superpoeta’. Enquanto traz à tona lados de quatro de seus heróis, Leminski revela muito de si mesmo, tão múltiplo e fascinante quanto os biografados, e fornece a seus fãs, em narrativas aliciantes e cheias de estilo, uma gênese de suas principais influências.

28 July 2018

www.ENGLISHTIPS.org | Patreon

(via)
About www.ENGLISHTIPS.org Good afternoon, our dear visitors! For the fourth month we are trying to establish the work of our website. At the moment, we moved to a new location (a new server), which as you see works more than not stable. To return the site to life we will look for funds. Creators

Quote Details: Heinrich Heine: Dieu me pardonnera. C'est... - The Quotations Page

(via)
Quotation Details Quotation #22697 from Rand Lindsly's Quotations: Dieu me pardonnera. C'est son metier. (God will forgive me. It's his job.) Heinrich Heine German critic & poet (1797 - 1856)

Frangalho – Restaurante Fast Food com Comida de Verdade

(via)
Comida de Verdade TEL 11 5523-5022 / 5523-6242 / 5523-5933 END. Rua Sócrates, 216 - Vila Sofia - São Paulo - SP - CEP 04671-070

Frangalho (@frangalhooficial) • Fotos e vídeos do Instagram

frangalhooficial 63 publicações 6.115 seguidores seguindo 2.287 Frangalho Fast Food com comida de verdade www.frangalho.com

Babi Xavier – Wikipédia, a enciclopédia livre

(via)
Babi Xavier Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa Babi Xavier Babi Xavier Nome completo Anna Bárbara da Fontoura Xavier Nascimento 6 de julho de 1974 (44 anos) Niterói, Rio de Janeiro Nacionalidade brasileira Ocupação Atriz, apresentadora, modelo e cantora Página oficial IMDb: (inglês) Anna Bárbara da Fontoura Xavier[1] (Niterói, 6 de julho de 1974), conhecida artisticamente como Babi Xavier, é uma atriz, apresentadora, modelo, cantora e escritora brasileira.

Leon Cakoff – Wikipédia, a enciclopédia livre

(via)
Leon Cakoff Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa Leon Cakoff Leon Chadarevian Leon Cakoff na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo de 2010 Nascimento 25 de junho de 1948 Alepo, Síria Morte 14 de outubro de 2011 (63 anos) São Paulo, Brasil Cônjuge Vera Lúcia Dias Caldas Renata de Almeida Ocupação Crítico de cinema Principais trabalhos Mostra Internacional de Cinema de São Paulo Leon Cakoff, pseudônimo de Leon Chadarevian (Alepo, 25 de junho de 1948 – São Paulo, 14 de outubro de 2011), foi um crítico de cinema, de origem armênia naturalizado brasileiro. Era casado com a cineasta Renata de Almeida, codiretora da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo desde a 13ª edição do evento, em 1989. Leon deixa dois filhos com ela, Jonas de Almeida Chadarevian e Tiago de Almeida Chadarevian, além de Pedro Caldas Chadarevian e Laura Caldas Chadarevian, filhos do primeiro casamento, com Vera Lúcia Dias Caldas.[1][2] Veio para o Brasil com sua família quando tinha oito anos

Foul Play – Wikipédia, a enciclopédia livre

(via)
Foul Play Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa Disambig grey.svg Nota: Para o filme mudo com Renee Kelly, veja Foul Play (1920). Question book.svg Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido. —Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico) Foul Play Jogo Baixo (PT) Golpe Sujo (BR) Estados Unidos 1978 • cor • 116 min Direção Colin Higgins Roteiro Colin Higgins Elenco Goldie Hawn Chevy Chase Burgess Meredith Dudley Moore Rachel Roberts Género comédia Idioma inglês Página no IMDb (em inglês) Foul Play (br: Golpe Sujo / pt: Jogo Baixo) é um filme estadunidense de 1978, uma comédia dirigida por Colin Higgins. Índice 1 Sinopse 2 Elenco 3 Principais prêmios e indicações 4 Ligações externas Sinopse Gloria Mundy está se recuperando de um divórcio e decide dar carona a um atraente homem. Acaba envolvida em uma teia de assassinatos e o detetive Tony Carlson é designado para protegê-la. Elenco Goldie Hawn .... Gloria Mundy Chevy Chase .... Tony Carlson Burgess Meredith .... sr. Hennessey Rachel Roberts .... Delia Darrow / Gerda Casswell Eugene Roche .... arcebispo Thorncrest / irmão do arcebispo Dudley Moore .... Stanley Tibbets Marilyn Sokol .... Stella Brian Dennehy ..... Fergie Marc Lawrence .... Rupert Stiltskin Chuck McCann .... gerente do teatro Billy Barty .... J.J. MacKuen Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o Portal Cinema

27 July 2018

CIFRA À minha maneira ( my way ) Antonio Cardoso

C Em Gm7 A Eu sei, se aqui cheguei, se conquistei o que eu queria Dm Dm7+ G7 C Cheguei porque teimei, porque apostei na travessia Gm7 C7 F Fm Não fiz tudo o que eu quis, mas sou feliz, não fui perfeito. C Am Dm G F C Errei, mas procurei fazer direi.....to. (repete a harmonia da 1ª parte) Andei, corri, voei, me atrapalhei, perdi o prumo. Voltei, recomecei, replanejei, achei meu rumo! Não fiz tudo o que eu quis, mas sou feliz, não fui perfeito. Errei, mas eu tentei fazer direito. C C7 F Se eu me enganei, e eu me enganei, e me engasguei por querer demais! Dm G Em Am Dm G Mas reagi, cuspi pra fora e aprendi a mastigar. E me refiz, e sou feliz, F C não tenho pressa. (repete a harmonia da 1ª parte) Amei, sofri, chorei, perdi, ganhei, joguei errado. Cresci, envelheci, e agora vejo como é engraçado pensar no que eu já fiz pra ser feliz, quanta loucura! Errei, mas acabei de alma pura. C C7 F Pra ser alguém a gente tem que se guardar, tem que se doar, Dm G Em Am Dm G e ser leal, e ser fiel, e não mentir e não fingir. Se eu errei, errei tentando F C

Marly Marley – Wikipédia, a enciclopédia livre

Marly Marley Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa Marly Marley Nome completo Marly Marley de Toledo Nascimento 5 de abril de 1938 Três Lagoas, MS Morte 10 de janeiro de 2014 (75 anos) São Paulo, SP Nacionalidade brasileira Cônjuge Ary Toledo (1968-2014) Ocupação atriz, diretora de teatro, crítica musical, jurada musical Outras ocupações: Professora, Psicóloga, ex-Vedete de Teatro Causa da morte Câncer de pâncreas Procurar imagens disponíveis Marly Marley de Toledo[1] (Três Lagoas, 5 de abril de 1938 — São Paulo, 10 de janeiro de 2014) foi uma atriz, diretora de teatro, crítica musical, jurada musical e ex-vedete da época de ouro do rádio e televisão brasileira, personalidade de destaque expressivo no cenário da cultura artística e musical nacional por várias décadas. Integrou por muitos anos o corpo de jurados do Programa Raul Gil.[2]

Musical | Antônio Cardoso | À minha maneira - YouTube

Musical | Antônio Cardoso | À minha maneira 40.803 visualizações 311 12 Compartilhar Paulinas WebTV Publicado em 13 de mar de 2013 Musical | Antônio Cardoso | À minha maneira CD Quando se vive um grande amor 0 800 70 100 81 WEBTV PAULINAS http://www.webtvpaulinas.com.br http://www.paulinas.org.br http://twitter.com/@paulinastv http://facebook.com/tvpaulinas deuscomagente@paulinas.com.br Categoria Entretenimento

ANTÔNIO CARDOSO À Minha Maneira ( My Way ) LEGENDADO - YouTube

(via)
ANTÔNIO CARDOSO À Minha Maneira ( My Way ) LEGENDADO 9.947 visualizações 97 4 Compartilhar Genesio Bispo Publicado em 20 de set de 2014 CANÇÃO NOVA ACAMPAMENTO DA PASTORAL DA SOBRIEDADE Categoria Educação

(1) Liturgia Das Horas - Página inicial

Comunidade Sant'Ana, rua Vasco da Gama, São Lourenço 45992069 Teixeira de Freitas, Brazil Como chegar Highlights info row image Normalmente responde dentro de algumas horas Enviar mensagem Highlights info row image www.liturgiadashoras.org Highlights info row image Organização religiosa · Local de culto religioso Highlights info row image Faixa de preço $ Highlights info row image Sugerir edições

26 July 2018

Espetáculo: Somente uns restos de água em uma piscina vazia

Hoje às 21:00 – 22:00 Começa dentro de uma hora · 17 °C Aberto Ver mais datas pin Cia Mungunzá de Teatro Rua dos Gusmões,43, 01212-000 São Paulo Ocultar mapa Centro Cultural (11) 97632-7852 ciamungunza@gmail.com Como chegar Organizado por Cia. Múltiplas Normalmente responde dentro de uma hora Enviar uma mensagem ao organizador Ingressos · R$ 10 - R$ 20 Pague no evento

Revolução de 25 de Abril de 1974 – Wikipédia, a enciclopédia livre

(via)
Revolução de 25 de Abril de 1974 Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa Revolução de 25 de Abril de 1974 25 de Abril Sempre, pintura mural[1] Outros nomes Revolução dos Cravos Localização Portugal Portugal Data 25 de abril de 1974 Resultado Fim do regime do Estado Novo Instauração da democracia A Revolução de 25 de Abril, também conhecida como Revolução dos Cravos,[2] refere-se a um evento da história de Portugal resultante do movimento político e social, ocorrido a 25 de abril de 1974, que depôs o regime ditatorial do Estado Novo,[3] vigente desde 1933,[4] e que iniciou um processo que viria a terminar com a implantação de um regime democrático e com a entrada em vigor da nova Constituição a 25 de abril de 1976, marcada por forte orientação socialista.[5][6][7]

Olejnicza M. - English for Information Technology 1-2 / Английский для IT-специалистов 1-2 [2011, PDF+MP3, ENG] :: RuTracker.org

English for Information Technology 1-2 pic Внимание! Торрент перезалит 29 сентября 2013 г.. Причина - добавление уровня 2, за который особое спасибо zxc123456. Год выпуска: 2011 г. Автор: Maja Olejnicza Категория: Учебник Издатель: Pearson Longman Язык курса: Английский Формат: PDF Качество: Отсканированные страницы Кол-во страниц: 80 ISBN: 978-1-4082-69961 Аудио кодек: MP3 Битрейт аудио: 256 kbps Описание: Учебник английского языка уровня A1 - A2 для IT-специалистов. Компьютеры, сети, сайты, базы данных и др. Описание на английском: English for Information Technology combines a strong grammar syllabus with the specialist vocabulary students need to succeed in this area. It contains topics that reflect the latest developments in the field making it immediately relevant to students’ needs. The course is designed for students in vocational education and for company employees in training at work.

Slaughterhouse-Five or The Children’s Crusade - A Duty Dance with Death - Kurt Vonnegut Audiobook Online Download, Free Audio Book Torrent, 87022

Slaughterhouse-Five or The Children’s Crusade - A Duty Dance with Death - Kurt Vonnegut Category: Classic, Literature, Novel Language: EnglishKeywords: Literature Novel Classic Shared by:ssitimefill Slaughterhouse-Five or The Children's Crusade - A Duty Dance with Death - Kurt Vonnegut Written by Kurt Vonnegut Read by Ethan Hawke Format: MP3 Bitrate: 80 Kbps Unabridged Listening Length: 5 hours and 53 minutes Kurt Vonnegut’s absurdist classic Slaughterhouse-Five introduces us to Billy Pilgrim, a man who becomes ‘unstuck in time’ after he is abducted by aliens from the planet Tralfamadore. In a plot-scrambling display of virtuosity, we follow Pilgrim simultaneously through all phases of his life, concentrating on his (and Vonnegut’s) shattering experience as an American prisoner of war who witnesses the firebombing of Dresden. Slaughterhouse-Five is not only Vonnegut’s most powerful book, it is also as important as any written since 1945. Like Catch-22, it fashions the author’s experiences in the Second World War into an eloquent and deeply funny plea against butchery in the service of authority. Slaughterhouse-Five boasts the same imagination, humanity, and gleeful appreciation of the absurd found in Vonnegut’s other works, but the book’s basis in rock-hard, tragic fact gives it unique poignancy, and humor.